4 dicas de ouro para manter cabelo ondulado sempre incrível e saudável

cabelo ondulado

Antes de tudo, quando pensamos em cabelo ondulado, logo nos vem à mente as belas madeixas da modelo Gisele Bündchen. E não é à toa, apesar de muitas vezes serem confundidos com lisos, os fios ondulados têm uma beleza própria e conferem um visual chique e despojado.

No entanto, assim como outros tipos de cabelos, os fios do tipo 2 precisam de alguns cuidados para manterem-se sempre saudáveis e definidos. A seguir, mostramos as particularidades dessa curvatura e 4 dicas para melhorar seus cuidados diários. Confira!

Quais os tipos de cabelo ondulado?

A princípio, existe uma classificação utilizada para definir os tipos de cabelo com base em seu grau de curvatura. A classificação começa no 1, com os fios lisos, indo até o 4, que são os cabelos crespos. Dentro dessa classificação, os ondulados ocupam a posição 2 e são subdivididos em:

  • tipo 2A: as ondas são superleves, quase imperceptíveis, e perdem sua forma facilmente. Esse tipo de cabelo é, constantemente, confundido com um cabelo liso;
  • tipo 2B: as ondas são mais marcadas, mas surgem apenas no comprimento e nas pontas, pois a raiz do cabelo é lisa;
  • tipo 2C: dependendo da finalização escolhida, o cabelo 2C consegue ser estimulado para apresentar cachos mais abertos, como o tipo 3A. As ondas iniciam-se na raiz e são bem marcadas até as pontas.

Como manter as ondas lindas e saudáveis?

Assim como todos os tipos de cabelos, os ondulados também precisam de cuidados específicos para se manterem bonitos e fortes. A seguir, listamos 4 dicas para adotar em seu dia a dia.

1. Não mexa muito no cabelo

Os cabelos tipo 2 têm como característica a tendência de perderem a forma mais facilmente, por isso, o ideal é não passar muito a mão nos fios após finalizados. Esse mau hábito pode deixar as madeixas mais oleosas e dar ao cabelo um aspecto opaco e sem forma.

2. Capriche na hidratação

Realizar hidratações periódicas é necessário para garantir fios mais saudáveis e sem aquele efeito armado. Seguindo um cronograma capilar, com máscaras hidratantes, nutritivas e reconstrutoras, você terá um resultado com ondas mais definidas e frizz sob controle.

3. Acerte no corte

O corte em camadas é a melhor opção para os fios ondulados, cacheados e crespos. Ele distribui melhor os cabelos na cabeça, deixando um resultado mais harmonioso e equilibrado. Além disso, esse tipo de corte dá mais volume e leveza, deixando as ondas mais definidas e naturais.

4. Fuja de produtos pesados

A finalização também faz toda a diferença nos cabelos tipo 2. Utilizando os produtos certos, é possível deixar as ondas mais definidas e distribuir o volume de forma mais harmoniosa. Na hora de finalizar, busque produtos leves, sem muita concentração de óleos, como os leave-ins. Produtos muito pesados e consistentes podem deixar essa curvatura com aspecto ensebado.

O cabelo ondulado precisa de alguns cuidados específicos para realçar sua própria beleza. Para se inspirar, busque algumas referências de cortes e finalizações de famosas, como os cortes da Gisele Bündchen e da Kate Middleton.

Agora que você já sabe como cuidar do cabelo ondulado, confira nosso post sobre as vantagens do Shampoo Esperança!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *